Notícias

Como fazer um site ficar nas primeiras páginas do Google

Por 17 de março de 2019 Sem Comentários

Estar nas primeiras páginas do Google ou de outro buscador tem suas vantagens. Entre elas, melhor visibilidade para sua marca, melhor alcance nas visitas e aumento nos leads (que são os possíveis clientes).

No entanto, chegar aos primeiros resultados e se manter por lá requer cuidados, ferramentas e muito planejamento estratégico.

Além de dominar as técnicas de SEO, é importante estar atento ao seu site.

Criando um site

O primeiro passo para aparecer corretamente nos buscadores é ter um site. Mas não de qualquer maneira. O site que tem por objetivo aparecer nas buscas precisa de algumas características essenciais.

São elas: arquitetura da informaçãoconteúdonavegação simples e leve.

Parece difícil, mas alcançar esses objetivos é muito mais fácil do que você imagina. Veja aqui como criar um site para sua empresa.

Arquitetura do site: UX será cada vez mais importante

SEO e o UX (em inglês, user experience ou experiência do usuário) estão cada vez mais ligados. Imagine um site todo bagunçado, desalinhado, com cores gritantes, gifs para todo lado.

Bom, isso existia antes do surgimento do gigante das buscas: o Google. Era um caos encontrar o que procurávamos. Não pela falta do Google, mas pela desorganização dos dados.

Sites que facilitam o acesso à informação ganham destaque entre os usuários, deixando-os mais suscetíveis a uma tomada de ação. Logo, a regra para 2019 é focar em oferecer uma ótima experiência para os usuários!

primeiras páginas do Google pesquisa celular e computador

Conteúdo

A produção de conteúdo direcionada para o seu nicho é, sem dúvida, a forma orgânica mais rápida para alcançar boas posições nos buscadores. O conteúdo, pensado de forma estratégica e focada no objetivo, converte o usuário em lead qualificado (futuro cliente).

Uma empresa que investe em manter um blog demonstra que está sempre em busca de novidades sobre o setor e preocupada em levar informações para o cliente.

Outra vantagem de trabalhar o conteúdo em blogs é que os artigos e materiais ricos podem ser usados em diversos estágios do funil de venda, e-mails para relacionamento com o cliente e nas redes sociais.

SEO, AEO ou VEO?

O investimento em produção de conteúdo que seguem os parâmetros de SEO (otimização de busca), AEO (otimização de busca feitas por perguntas) e VEO (otimização de busca feitas por comando de voz) são de extrema importância.

Esses três modos de otimização se tornam, a médio e longo prazo, a maneira mais barata de fazer com que seus clientes encontrem e acessem o seu site.

Otimização de Imagens

Não tão novidade assim, a otimização de imagens de um site ajuda muito no ranqueamento.

A adequação de tamanho e a utilização de metadados (título e descrição da imagem) passaram a ter mais importância. Assim, exigem mais precisão de detalhes na hora de falar sobre o que sua imagem se trata.

A tendência é de que, baseado no comportamento dos usuários, teremos um grande aumento na busca por meio de imagens. Em caso de produtos, principalmente, pois já vem se mostrando forte.

Links patrocinados

A estratégia de posicionamento de busca requer investimento de médio a longo prazo. Então, para aquele aqueles que não querem ou não podem esperar o amadurecimento do posicionamento, existem os link patrocinados do Google Ads.

Eles são anúncios pagos baseados em palavras-chave que ocupam as primeiras posições das buscas, mediante a um algoritmo de leilão do custo por clique. Cada palavra sai a um valor específico.

Os anúncios patrocinados são bons para quem deseja colher frutos rápido ou ter uma inserção de mercado acelerada, uma vez que, 95% das buscas no Brasil são realizadas no Google.

Por isso, antes de qualquer investimento, cabe a você e sua marca analisarem quais os objetivos reais e tempo hábil para tal, para decidir assim, a melhor estratégia.

Em caso de dúvida ao escolher a estratégia, estamos aqui para ajudar.

Enviar um Comentário